Notícias

Terminou greve de 3 dias dos vigilantes de segurança privada. Sindicato faz "balanço positivo"


Vigilantes no primeiro dia de greve, na Praia (Foto: Emerson Pimentel)
24 Set 2020 Sociedade

Em declarações à Rádio de Cabo Verde, o sindicato que representa a classe apontou uma adesão de 70%, o que - acredita - demonstra que os vigilantes estão revoltados com o impasse à volta do acordo colectivo sobre a nova grelha salarial.

O presidente do Sindicato Nacional dos Agentes de Segurança Pública e Privada, Serviços, Agricultura, Comércio e Pesca, faz um balanço positivo da manifestação e da greve dos vigilantes que terminou às zero horas de hoje.

Em declarações ao Primeiro Jornal da RCV, Manuel Barros apontou uma adesão de 70%, o que para ele demonstra que os vigilantes estão revoltados com o impasse à volta do acordo colectivo sobre a nova grelha salarial.

O sindicalista culpabiliza as empresas de segurança privada e a associação pelo que está a passar no seio da classe.

Manuel Barros não descarta uma nova greve por parte dos vigilantes de segurança privada, caso as reivindicações não sejam atendidas.

A greve de 3 dias dos vigilantes que terminou às zero horas de hoje. O presidente do Sindicato Nacional dos Agentes de Segurança Pública e Privada, Serviços, Agricultura, Comércio e Pesca faz, entretanto, um balanço positivo da manifestação e da greve.

Pedro Paulo Moreira, RCV
Editado por Benvindo Neves

Comentários

Pesquisar