Notícias

Porque covid-19 atrapalhou, Tarrafal quer renovar em 2021 estatuto de Capital Cabo-verdiana da Juventude


13 Ago 2020 Sociedade

A pandemia da covid-19 impediu que Tarrafal de Santiago levasse a cabo a grande maioria das actividades programadas no âmbito da Capital Cabo-verdiana da Juventude. Por isso, o concelho propõe renovação do mandato.

A pandemia da covid-19 impossibilitou o município de Tarrafal de realizar grande parte das atividades programadas no âmbito do Tarrafal Capital Cabo-verdiana da Juventude. Por isso, o presidente da comissão da capital cabo-verdiana da juventude que a renovação do mandato, para que o concelho possa assumir-se enquanto capital da juventude para o ano que vem.

Passados seis meses após assumir a segunda edição da Cidade Capital Cabo-verdiana da Juventude, foram poucas as actividades realizadas neste âmbito no município do Tarrafal, devido a pandemia. Tendo em conta os contratempos, o vereador da cultura e do desporto a Câmara Municipal do Tarrafal manifestou a sua vontade do concelho voltar a assumir, no próximo ano, a capital cabo-verdiana da juventude.

Uma vontade compartilhada pelo Primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, que assegura que o concelho do Tarrafal possui de um conjunto de potencialidades que podem contribuir para a retoma da dinâmica económica da região e do país.

Durante as actividades comemorativas do Dia Mundial da Juventude, que aconteceram esta quarta-feira no Mercado de Artesanato do Tarrafal,  alguns jovens tiveram a possibilidade de participar na conversa aberta com o Primeiro-ministro, debatendo o tema “Os jovens no futuro de Cabo Verde e no Mundo que queremos construir”.

Editado por Benvindo Nebes
Oiça a notícia RCV:


Reportagem RCV com jornalista André Brito



Relacionados

Comentários

Pesquisar