Notícias

Conheça as 31 praias, em 7 ilhas, prestes a serem reabertas ao público


Praia de Santa Maria, ilha do Sal
20 Mai 2020 Sociedade

As 31 praias serão reabertas ainda esta semana nas sete ilhas sem covid-19, mas o acesso obedecerá algumas regras. As de Santiago e da Boa Vista vão, por enquanto manter-se, interditadas.

O decreto-lei, que estabelece normas e horários de carácter temporário, de acesso e frequência das praias, entrará em vigor, a partir da sua publicação no Boletim Oficial, que deverá acontecer nas próximas horas.

O regulamento de acesso à frequência das praias balneares de Cabo Verde, interditadas no âmbito da covid-19, foi apresentado na tarde de terça-feira, 19, pelo Capitão dos Portos de Barlavento na sede do Instituo Marítimo Portuário em São Vicente.

Serão abertas 31 praias em sete ilhas, excetuando Boa Vista que continua sob observação das autoridades sanitárias, e Santiago que está em Estado de Emergência.

Aguinaldo Lima, capitão dos portos de Barlavento, sublinha que as orientações aplicam-se a todas as praias e zonas marítimas balneares de Cabo Verde.

“São permitidas nas praias e zonas marítimas balneares a prática das actividades de natação e banhos, desde que respeitem as instruções e recomendações da autoridade marítima nacional, Polícia Nacional, Polícia Marítima, nadadores salvadores e da sinalização e bandeiras informativas. Devem, igualmente, serem respeitadas as regras de distanciamento social no mínimo de 2 metros entre os cidadãos. São permitidas as deslocações às praias e zonas marítimas balneares para a prática de pesca de lazer, pesca lúdica e lúdica submarina, devendo serem respeitadas as regras de distanciamento social”.

Aguinaldo Lima salienta que estas medidas visam preservar a saúde e o bem-estar das pessoas. Eis as praias que vão estar abertas ao público.

Santo Antão: Praia de Curraletes, Praia do Caizin, Armanzém, Tarrafal de Monte Trigo, Prainha na Ponta do Sol, Sinagoga, a prai de do Paul e de Janela.

São Vicente: Praia da Laginha, Cova da Inglesa, Baía das Gatas, Praia de São Pedro, Praia de Calhau e a de Salamansa.

São Nicolau: Praia de Tedja, Campo de Pedrada e Prainha.

Sal: Praia de Santa Maria, Pedra de Lume, Algodoeiro, Palmeira, Murdeira, Praia de António Sousa, Ponta do Sinó.

Maio: terá uma única praia aberta, a de Bitchi Rorcha.

Fogo: Praia da Fonte Bila, Marmolano, Praia dos Mosteiros e Salinas.

Brava: Praia da Cadjetinha e arrastadouro da Furna. 

De acordo com o Capitão dos Portos de Barlavento, há algumas proibições nas praias nacionais durante este período.

“São proibidas nas praias a comercialização ambulante de bebidas e comidas, pik-nics, passeios, festas e convívios diversos. Utilização de equipamentos sonoros, utilização e permanência em tendas colectivas, pratica de todo o tipo de jogos de carácter colectivo, troca de materiais e equipamentos e utilização de ginásios e parques fitness.”

A fiscalização do cumprimento deste regulamento compete a autoridade marítima, PoliciasNacional e Marítima e aos nadadores salvadores e os infratores ocorrerão a uma coima de cinco mil a 75 mil escudos, concluiu Aguinaldo Lima apelando a população para respeitar estas regras evitando sanções, previstas na lei, e a bem da saúde de todos.

Albeirtino Brito, RCV/São Vicente
Editado por Benvindo Neves



Relacionados

Comentários

Pesquisar