Notícias

Direção-geral de Energia e Geologia de Portugal visita as instalações do CERMI


CERMI - Centro de Energias Renováveis e Manutenção Industrial
15 Out 2019 Economia


Colaboração na elaboração de projetos conjuntos, a serem submetidos ao financiamento junto de União europeia e da CEDEAO, constitui um dos pontos constantes do protocolo de cooperação assinado entre o Centro de Energias Renováveis e o Instituto de Ciência e Inovação em Engenharia Mecânica e Industrial de Portugal.


Troca de experiências entre técnicos das duas instituições, formação e investigação são, as outras áreas que marcam o protocolo rubricado entre o CERMI e o INEGI.

Estando apostado no reforço e alargamento das respectivas ações, com olhos postos na sub-região da CEDEAO, o Presidente do CERMI, Luís Teixeira destaca a importância do estabelecimento de parceiras com estruturas com largas experiências.

O CERMI está fortemente apostado no reforço do trabalho que desenvolve, virado para o mercado nacional e outros países com realce para a região da CEDEAO, por isso Luís Teixeira diz que a instituição que dirige quer aproveitar a vasta experiência do INEGI.

A junção de competências na elaboração de projetos a serem submetidos ao financiamento da União e também no domínio da CEDEAO, constitui uma mais-valia para as partes, anota o representante do instituto de ciência e inovação em engenharia mecânica e industrial, Rui Sá.

A assinatura do protocolo entre e o CERMI e o INEGI acontece na sequência da visita que uma delegação da direção geral e energia e geologia de Portugal efetua ao nosso país.


Eugénio Teixeira - RTC/Praia

Disponibilizado online por Mário Almeida

Comentários

Publicidade