Notícias

O tráfico afigura-se como a maior ameaça à segurança nos mares de Cabo Verde


Navio Guardião
19 Ago 2019 Sociedade


Uma das medidas para o evitar é a implementação das normas que constam do Código Internacional de Proteção de Navios e das Instalações portuárias.


Aliás, Cabo Verde mantém um acordo de cooperação com a Guarda Costeira dos Estados Unidos no quadro do Programa Internacional sobre Proteção Portuária.

É neste quadro que tem início hoje, em São Vicente um seminário sobre normas de segurança e que, também, visa testar a capacidade nacional de resposta.

O seminário, de quatro dias, vai ser orientado por peritos em segurança e proteção marítima da guarda costeira dos EUA e visa, essencialmente, capacitar os principais parceiros nacionais no âmbito do Código Internacional para a proteção dos Navios e das Instalações Portuárias.

O Administrador Executivo do Instituto Marítimo e Portuário afirma que a cooperação com a guarda costeira dos EUA têm contribuído para a melhoria da segurança portuária do país. Manuel Vicente reafirma que o tráfico é a maior ameaça nos mares de Cabo Verde.

O Administrador Executivo do Instituto Marítimo e Portuário diz que a instituição tem aprovado cursos no sentido de capacitar os marítimos cabo-verdianos. Manuel Vicente considera que o seminário que decorre de hoje até quinta-feira, na ilha de São Vicente faz parte da estratégia para fazer face às ameaças.

O Administrador Executivo do Instituto Marítimo e Portuária garante que tem havido uma articulação aceitável entre as instituições ligadas aos portos. Manuel Vicente diz que em situação de indícios de ameaças todos tem colaborado.


José António dos Reis - RTC/Praia

Disponibilizado online por Mário Almeida

Comentários

Publicidade