Notícias

Mercado único de transportes aéreos é uma iniciativa que facilita a conectividade entre os países africanos


Ulisses Correia e Silva - Primeiro-ministro
11 Fev 2019 Política


É com esta convicção que o Primeiro-ministro escolhe o mercado único como um dos temas da intervenção que profere ainda hoje na trigésima segunda sessão ordinária da Conferência dos Chefes de Estado e do Governo da União Africana que decorre desde ontem na Etiópia.


Ulisses Correia e Silva reconhece que nem são fáceis, nem baratas e menos ainda são regulares as ligações áreas entre os países africanos.

E para Cabo Verde, reconhece o Chefe do Governo, o mercado único de transportes aéreos tem uma importância significativa, vai permitir que o hub aéreo da Cabo Verde Airlines possa ter maior penetração nos países africanos.
 
Ulisses Correia e Silva reitera, que é justamente demonstrar o seu empenho, que Cabo Verde acolhe, de 27 a 29 de Março, a primeira conferência ministerial de turismo e transportes aéreos em África. Outra linha da intervenção do Primeiro-ministro é a problemática das alterações climáticas.

Ulisses Correia e Silva faz uma leitura com duas vertentes do tema oficial da União Africana para este ano. Ano dos Refugiados, Retornados e Deslocados Internos, rumo a soluções duradouras para a deslocação forçada em África.
 
À margem da cimeira, o Primeiro-ministro reúne-se com os chefes das delegações de países como a Mauritânia, Marrocos, Moçambique, Nigéria e São e Príncipe.


Júlio Vera Cruz Martins - RTC/Praia

Disponibilizado online por Mário Almeida


Comentários

Publicidade