Notícias

Cabo-verdianos eleitos nas eleições intercalares dos EUA


08 Nov 2018 Actualidade

Em dia de votação nos EUA, descendente de cabo-verdianos é eleita para a câmara de deputados do Estado de Massashussets.

Ao conquistar a vitória nos distritos de Cambridge e Roxbury, Liz Miranda é assim a primeira mulher descendente de cabo-verdianos a chegar a um cargo eleito nos Estados Unidos.

Filha de naturais do Fogo, Liz Miranda nasceu nos Estados Unidos e agora conseguiu o lugar de deputada estadual no distrito anteriormente ocupado por outro cabo-verdiano, Evandro de Carvalho que decidiu concorrer ao cargo de procurador regional.

Momentos depois de saber que tinha vencido a eleição, Liz Miranda disse-me acreditar que agora poderá colocar em prática o que a levou a concorrer.

Depois da morte de um amigo cabo-verdiano, Liz sentiu-se impulsionada a começar por combater o crime.

Mais de 40 por cento da população de Cambridge e Roxbury é cabo-verdiana que enfrenta escolas de má qualidade, 20 por cento está no desemprego, mais de 50 por cento não fala inglês e muitos não conseguem pagar renda, sendo obrigados a deixar esse distrito.

A nova deputada estadual diz ter tido o apoio dos cabo-verdianos mas que, infelizmente, nem todos votam.

No Estado de Rhode Island, Jean Philippe Barros, filho de cabo-verdianos mas nascido no Senegal, conseguiu o seu segundo mandato como deputado estadual.

Refira-se que na noite eleitoral de ontem, como acontece tradicionalmente nas intercalares, os democratas, na oposição, passam a controla a câmara dos deputados, enquanto os republicanos mantêm o controlo do senado.


Disponibilizado online pela Multimédia - RTC


Mais desenvolvimentos nos principais serviços informativos da:
- RCV e RCV Online | às 07h, 13h e às 19h.
- TCV e TCV Online | às 13h (Jornal da Tarde), 17h e às 20h.




Relacionados

Comentários

Publicidade