Notícias

Rede Sol reactivado em Santa Catarina


28 Ago 2018 Sociedade

As casas de abrigo e de passagem que se localizam na ilha de Santiago para acolher as mulheres vitimas de VBG ficam operacionais em pleno antes do fim deste ano.

Para colocar as casas de passagem em funcionamento, a coordenadora nacional do ICIEG, Kátia Marques, garante que falta um único passo, o recrutamento de um técnico.

Kátia Marques, coordenadora nacional do ICIEG lembra que a rede Sol faz um trabalho de articulação entre as diversas instituições de apoios o que minimiza a exposição da situação das vítimas na hora de buscar apoios.

Ainda de acordo com aquela responsável até o final deste ano as casas de abrigo e de passagens na ilha de Santiago estarão funcionar em pleno dando abrigo para as mulheres vítimas de VBG. Kátia Marques que realçou também a parceria da embaixada dos Estados Unidos nesta iniciativa.

Assomada acolhe hoje um encontro promovido pelo ICIEG para se fazer a reactivação da Rede Sol e ao mesmo tempo fazer um diagnóstico do que está a funcionar na rede e quais são estratégias a serem adoptadas para reactivar essa rede social em Assomada com vista a dar apoios às vitimas de VBG.

Maria José Macedo
Disponibilizado online por Cláudia Livramento


Reportagem jornalista Maria Jose Macedo



Relacionados

Comentários

Publicidade