Notícias

Hospital Agostinho Neto desmente que vem cobrando pelo sangue que é transfundido aos doentes


22 Ago 2018 Sociedade

O responsável técnico do Banco de Sangue esclarece que, tanto o sangue em si, como o serviço da transfusão são gratuitos.

O que acontece é que quando se aproxima do limite do stock mínimo pede-se a colaboração das pessoas, no sentido de sensibilizarem familiares e amigos  para  doar sangue e  repor assim o  stock  necessário.

João Gonçalves em conversa com a jornalista Joana Lopes assegura que a transfusão sanguínea no HAN respeita todos os parâmetros de segurança.

Circulam-se rumores de que familiares de doentes em situação de emergência, muitas vezes são obrigados a comprar sangue, a preços exorbitantes no HAN, para salvar a vida do seu ente querido.

Questionado sobre isso, o responsável técnico do Banco de Sangue do HAN, desmente categoricamente tal informação.

 A transfusão de sangue é feita em segurança independentemente de ser, em situação de escassez, de abundância, ou de emergência. Avança o responsável técnico do   Banco de Sangue  do referido  estabelecimento  hospitalar.

Por estarmos, em época de intensa mobilidade de pessoas, apela à população para se dirigir aos bancos de sangue do País para  doarem  sangue.

Cerca  de 85% da população  mundial apresentam o grupo sanguíneo  RH Positivo.   

Situação que faz com a quantidade de sangue RH negativo seja quase sempre escassa. Sendo assim, pede-se, sobretudo aos  portadores de sangue  RH negativo,  para  sempre  que possível, procurarem os  bancos de sangue  para  doação e assim poder salvar vidas.  

 Necessário também ter em mente que todo e qualquer grupo sanguíneo é importante pelo que a doação de sangue é fundamental.

Informações conseguidas a margem do acto de assinatura de um protocolo entre o HAN e a CVTelecom em que essa operadora ofereceu ao Hospital equipamentos, como Balanço de coleta de sangue e Selador de Bolsa para proporcionar mais segurança transfusional.  É que os que o HAN detinha até agora já estão obsoletos.

Joana Lopes-RCV
Disponibilizado oline por Cláudia Livramento


João Gonçalves ,Responsável técnico do Banco de Sangue



Relacionados

Comentários

Publicidade