Notícias

Arranca hoje na Praia a 2ª fase do projeto arqueológico subaquático, CONCHA


Cordenador da Direcção de monumentos e Sítios, do Instituto do Património Cultural, Jaylson Monteiro
07 Ago 2018 Cultura

A segunda fase do projeto arqueologia subaquática, CONCHA, arranca hoje na cidade da Praia Cabo Verde com um mergulho à Embarcação Urânia, no Ilhéu de Santa Maria.

Esta segunda missão, além de arqueologia subaquática, integra arqueologia terrestre, trabalho de estudo e inventário do espólio do Museu de Arqueologia.

Em declarações ao Primeiro Jornal, o coordenador da Direcção de monumentos e Sítios, do Instituto do Património Cultural, explica que esta fase vem dar continuidade aos trabalhos desenvolvidos no mês de Abril.

Jaylson Monteiro disse que os espólios subaquáticos vão continuar a ser preservados nos seus locais, com o objectivo de servirem como pontos de atracão turística.

A segunda fase do projeto arqueologia subaquática, CONCHA vai decorrer durante o mês de Agosto, com coordenação de uma de Portugal, coordenado pela Patrícia Carvalho e José Bettencourt.

Além de organizar oficinas académicas e publicações, CONCHA, pretende educar envolvendo o público em pesquisas históricas, oferecendo uma série de conferências e exposições e auxiliando as instituições públicas no desenvolvimento da conservação do património e do turismo.

RCV
Disponibilizado online por Cláudia Livramento


coordenador da Direcção de monumentos e Sítios, do Instituto do Património Cultural, Jaylson Monteiro



Relacionados

Comentários

Publicidade